sexta-feira, 2 de julho de 2010

À Pat, a mulher mais bela do cosmos...


Porque os outros se mascaram mas tu não
 (Sophia de Mello B. Andresen)

Porque os outros se mascaram mas tu não
Porque os outros usam a virtude
Para comprar o que não tem perdão.
Porque os outros têm medo mas tu não.

Porque os outros são os túmulos caiados
Onde germina calada a podridão.
Porque os outros se calam mas tu não.

Porque os outros se compram e se vendem
E os seus gestos dão sempre dividendo.
Porque os outros são hábeis mas tu não.

 
Porque os outros vão à sombra dos abrigos
E tu vais de mãos dadas com os perigos.
Porque os outros calculam mas tu não.


Doçura, foi o poema possível...Contudo, e porque mesmo assim não diz tudo, eu vou acrescentar  mais umas frases... Mas antes tenho que pedir desculpa à Sophia... é por uma boa causa!


Porque és bela e resplandeces
 E vês sempre beleza à tua volta
Porque és imensa e os outros não
 
Porque pressentes amizades em tudo aquilo que te rodeia
E valorizas tudo o que é bom
Porque és bondosa e os outros não
 
Porque maravilhas a tua família, és esposa e mãe dedicada e maravilhosa
E és o oposto de um "buraco negro", és um Big Bang que tudo ilumina
Porque és LINDA e os outros não.
 
(não me atrevo a mais, por mais palavras que use, não conseguirei nunca expressar o quão bela és...)

2 comentários:

Leitores SOS Murça disse...

Linda amiguinha,

é bom sentir que mal me pressentes triste ou sob ameaça divina, fazes tudo para que eu sobreviva ilesa e feliz! Todos os teus exageros, toda a tua bondade, toda a tua capacidade de amar me tocam e mostram mais uma vez que é tão bom ser tua amiga (nem que seja para ouvir-te dizer bem de mim em desmedida)...Mil bjs de amizade ao quadrado

Leitores SOS Murça disse...

Esqueci-me de te dizer que hoje estou bem melhor. Bjs